Pressione enter para ver os resultados ou esc para cancelar.

Não voe alto

Até hoje eu me lembro de meu tio Alfredo Mesquita me dizendo, cada vez que eu ficava ansioso, querendo muito alguma coisa: “não queira muito porque um dia você consegue”.

Para o jovem de mais ou menos 18 anos, querendo engolir a lua cheia num grande banquete, a frase não fazia muito sentido, em primeiro lugar porque o negócio era conseguir o que se queria, e em, segundo, porque do muito que queria eu só conseguia um pouco.

Mas o tempo foi passando e a vida foi ensinando e eu acabei aprendendo mais um pouco, e me convenci que meu tio tinha razão, uma razão que só se mostra mais tarde, quando deixamos de acreditar em todos os sonhos e que ser o super-herói é fácil.
Invariavelmente, quando queremos alguma coisa, fazemos uma força do cão, quase vendemos a alma para o diabo, e, quando conseguimos o que queríamos, descobrimos que não vale a pena.

Que não é tão bom, nem tão bonito. Que jogamos tempo e paciência fora, por algo que não merecia tanta dedicação.

É duro, mas faz parte da experiência de vida de cada um. Pode doer ou magoar, mais ou menos, mas quem disser que nunca passou por isso, ou não entende o que acontece em volta ou está mentindo.

Mas tem vezes que vale a pena. Que a luta e a entrega têm a recompensa e a recompensa paga todos os preços. Que é bom e que ser bom ultrapassa o sonho, fazendo do sonho a realidade.

Nessas horas a vida ganha sentido. Fica alegre, colorida, com a felicidade como algo próximo e verdadeiro. É por isso que devemos ser parcimoniosos e aceitar as coisas como elas são. Não sonhar alto. Deixar a vida ser, ainda que ameaçada ou tênue como um fio de cabelo.

Siga nosso podcast para receber minhas crônicas diariamente. Disponível nas principais plataformas: SpotifyGoogle Podcast e outras.

Crônicas da Cidade vai ao ar de segunda a sexta na Rádio Eldorado às 5h55, 9h30 e 20h.

Antonio Penteado Mendonça

Advogado, formado pela Faculdade de Direito Largo São Francisco, com pós-graduação na Alemanha e na Fundação Getulio Vargas (FGV). É provedor (presidente) da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, ex-presidente e atual 1º secretário da Academia Paulista de Letras, professor da FIA-FEA e do GV-PEC, palestrante, assessor e consultor em seguros.