Três em um

  Certos dias de inverno, este ano, estão conseguindo o impossível. Juntam três características diferentes dos dias de três estações diferentes e nadam de braçada, atenuando as dores e sofrimentos da pandemia, que não dá sinais de querer ir embora. Mas se ela fica e cobra em vidas uma fatura…

Continuar lendo

Alguns dias de inverno

A rotina dos dias é fantástica. Mesmo parecidos, não há dois dias iguais. Podem ser no máximo semelhantes e, ainda assim, para você e não para mim, ou vice-versa. Mas existem dias que são especiais, se não para todo mundo, para quase todo mundo. E alguns deles são dias de…

Continuar lendo

O legado que a COVID-19 deixará

Em meio aos caos, sempre há as boas lições que podem transformar a nossa sociedade Se olharmos por outro ângulo, tudo tem o lado bom. Se por um lado a pandemia fez milhares de vítimas, dizimou empregos, levou muitos à falência e mexeu com a psique individual e coletiva, por…

Continuar lendo

Antes é cedo, depois é tarde

  Chora mais quem pode menos. A regra é antiga como o mundo e quem duvida dela acaba chorando, porque nessa vida não tem perdão, quem não aprende paga pelo erro e paga caro, dependendo da situação. Todos têm sua hora e sua vez, já dizia Augusto Matraga, que encontrou…

Continuar lendo

O barulho dos aviões

  Ao longo dos últimos meses, a cidade descobriu uma nova forma de escutar o dia, uma forma mais silenciosa e amigável, como se os ruídos infernais que fazem da vida uma loucura nunca tivessem existido. A primeira redução foi a do trânsito. De repente, as pessoas perceberam que o…

Continuar lendo

Outro lado da festa

Toda festa tem dois lados. Um bom e outro que pode não ser tão bom. Por exemplo, a ressaca no dia seguinte. Ou uma batida de automóvel. Ou um comando da polícia, parando o bêbado na ponte, pouco antes de chegar em casa. São situações que tiram alguma graça de…

Continuar lendo

Dias de sol e névoa

O inverno se caracteriza pela névoa. E pelos dias secos, com sol, mas frios. Faz parte do desenho, não adianta querer fugir. Pode furar um dia ou ouro, mas em algum momento a névoa vem, pega pesado, segura os helicópteros no chão, fecha os aeroportos e cria cenário de filme…

Continuar lendo

O céu de inverno

Qual o céu mais bonito do ano? Não sei. Todo céu pode ser belo, independentemente da data. Cada um tem suas características e não há como confundi-los. Verão é verão, outono é outono, primavera é primavera e inverno é inverno. Cada um gera um céu de um jeito, por conta…

Continuar lendo

Dois passos para trás

  O bom e o certo nesta vida é andar para frente. Quem anda de lado é caranguejo e quem fica parado é poste. Nossa vida não tem volta, ninguém vive de novo o dia de ontem, nem consegue dar macha-ré para consertar a bobagem dita há cinco minutos. O…

Continuar lendo

Outro lado do tempo

O tempo é algo relativo e que nos deixa sempre descontentes. Quando somos jovens, as coisas passam muito devagar, depois, à medida que envelhecemos, aceleram, ficam mais rápidas, até atingir um ritmo de cruzeiro no qual o hoje de repente é ontem e o amanhã está para chegar. Sem aviso,…

Continuar lendo