Não contam mais piadas

Um amigo observou que as pessoas não contam mais piadas. Uma das marcas dos brasileiros sempre foi a capacidade de achar graça, mesmo em meio à desgraça. Mas nós estamos perdendo este traço, estamos perdendo a capacidade de contar piadas, de criar piadas, de rir, sem outro compromisso, senão rir,…

Continuar lendo

Doar sangue é importante

Infelizmente, o brasileiro não tem o bom hábito de doar sangue regularmente. É comum vê-lo atendendo ao pedido de um amigo e doando para alguém internado, que necessita uma transfusão, mas não é regra encontrá-lo no banco de sangue, doando porque doar faz bem. Doar sangue faz bem pra alma….

Continuar lendo

O grande vilão da natureza

O consumo consciente e a reciclagem de materiais plásticos evitariam o descarte de 111 milhões de toneladas nos oceanos A poluição plástica é considerada uma epidemia mundial e uma das principais causas de danos ao meio ambiente. Mais de 8 milhões de toneladas de plástico acabam nos oceanos todos os…

Continuar lendo

Uma notícia boa

Entre tempestades, chuvas fortes, tornados e garoas que assolam o Brasil político e, por tabela, a população, poder falar de notícia boa faz bem pra alma. A vacinação contra o coronavírus avança e com o avanço caem os números pavorosos que durante tanto tempo ceifaram a vida de mais de…

Continuar lendo

A Terra é redonda e azul

Complicou para os negacionistas. Quer dizer, complicou mais. Depois de ficar claro que cloroquina não funciona, que tem corrupção no governo e que, se o país tivesse investido em vacinas, milhares de pessoas não teriam morrido, os Senhores Branson e Bezos decidiram dar ao mundo a chance de todos que…

Continuar lendo

Pelos campos e montanhas

Jules Martin traçou o viaduto ligando os dois lados da cidade. Mas antes disso o Arouche já tinha um largo que depois foi deixado em herança para o filho que o novo proprietário não gostava muito, porque o predileto ganhou uma mobília linda, que na época valia muito mais. Era…

Continuar lendo

A florada no cemitério

Tem gente que vê os cemitérios como lugares tristes, que lembram os que já partiram, e por isso dá vontade de chorar. Tem gente que os vê como a casa dos mortos queridos, de quem sentimos saudades, e que por isso os visita para monólogos saudosistas, sobre os tempos que…

Continuar lendo

A inversão do vice-versa

Imagine o Canadá com temperatura batendo nos 47 graus centígrados. Coisa de pesadelo, de mudança do eixo da terra, de ficção científica ou alguma arma de raios desenvolvida por um ditador com ambições de dominar o mundo. Agora imagine Cuiabá com 10 graus centígrados. Pois é… coisa de ficção científica,…

Continuar lendo

A verticalização de São Paulo

Apartamentos dão lugar às casas e, cada vez mais, a cidade é recheada de prédios Em duas décadas, as residências verticais ultrapassaram as horizontais na cidade de São Paulo, o que significa mais moradias em prédios do que em casas. A constatação é de um levantamento do Centro de Estudos…

Continuar lendo

Batalha intensa contra o coronavírus

Número de novos casos tem caído na capital paulista e a vacinação tem contribuído para isso A vacinação já está surtindo efeito. Pelos dados da Secretaria Estadual de Saúde de São Paulo, do dia 5 de julho, o número de internações está em queda. Ao todo, eram 8.977 pacientes em…

Continuar lendo