Nem chamando o mágico

Não sei que espécie de histeria coletiva toma conta da cidade na época do Natal, mas a verdade é que nestes dias São Paulo para. Não vai pra frente, pra trás, pra cima ou para o lado. Simplesmente não vai. Você fica parado dentro de seu carro sem qualquer explicação…

Continuar lendo

Um ou outro

O mundo está se dividindo entre verde e amarelo, azul ou marrom, alto ou baixo, dia ou noite. Não há mais zona de conforto entre um e outro. Ou é ou é. Não tem madrugada, nem por do sol, simplesmente se é, ou se é. E quem não é não…

Continuar lendo

O desaparecimento dos engraxates

Durante décadas, eles foram a marca registrada de bom número de praças da cidade. Mas estarem nelas não era aleatório. Era preciso ter demanda, clientela para o serviço, público e licença da prefeitura para os interessados ganharem seus cobres e tocarem a vida. Os engraxates estavam em locais como Praça…

Continuar lendo

Tenha pena de nós

Meu Deus, por favor, tenha pena de todos os brasileiros que penam no inferno em que tentam transformar esta terra abençoada, onde, desde o começo, como disse Caminha, em se plantando, tudo dá. Tenha pena de cada um de nós que sai de casa de manhã cedo e só volta…

Continuar lendo

Nossa Senhora de Fátima

Quando eu era menino, o Sumaré era completamente diferente do que é hoje. Para começar a avenida Dr. Arnaldo não tinha viaduto e por baixo dela não passava nenhuma avenida Sumaré. A Dr. Arnaldo se estendia por cima do morro, que é a continuação do espigão da Paulista, e ia…

Continuar lendo

Tem muita gente boa

O Brasil corre solto nas mãos de gente da pior espécie, muito mais interessada no próprio umbigo do que no bem comum, numa sociedade mais justa e igual, com chances para todos, saúde, educação e trabalho dignos, capazes de gerar uma sociedade dinâmica e moderna, baseada na meritocracia e não…

Continuar lendo

Vizinho é sorte

Lar que é lar preza pela harmonia e tranquilidade. Nada é pior do que ser constantemente incomodado Desde que a humanidade existe, ela vive em sociedade, convive com seus pares e interage para o bem em comum, pelo menos é o que deveria ser, pois nenhum homem é uma ilha,…

Continuar lendo

A proliferação dos saguis

Dois anos atrás, apareciam um aqui, outro ali, pequenos grupos com poucos integrantes, e eram a sensação do bairro. Saltavam pelos galhos das árvores, mas o mais legal era vê-los correndo pelos fios estendidos nos postes. Aos poucos, foram se multiplicando. Os bandos foram crescendo, mais macacos em cada um,…

Continuar lendo

O começo

Em 1.500 a grande prioridade da coroa portuguesa era as Índias. Depois de mais de meio século buscando o caminho marítimo que lhe desse acesso às riquezas orientais, finalmente, Vasco da Gama havia alcançado a terra das especiarias e, mais do que nunca, era necessário consolidar o poder lusitano naquela…

Continuar lendo

Ó pro filho pródigo!

A parábola do filho pródigo é das passagens tocantes do Novo Testamento. A volta arrependida do filho que durante anos gastou o dinheiro do pai, caiu na gandaia, deu o toco em todo mundo, fez e desfez e, quando ficou na pior, volta para casa faz chorar. Cena de filme…

Continuar lendo