Lua cheia

Faz tempo, nós descíamos da sede da fazenda para o terreiro, nos deitávamos em cima de edredons velhos e ficávamos ouvindo música e olhando o céu, especialmente nas noites de lua cheia. Também acontecia dela surgir na volta das cavalgadas até o morro da Cabaninha, onde íamos ver o por…

Continuar lendo

Namorados

Teus olhos, mesmo quando estão bravos, têm um brilho próximo, que fala das venturas da terra e da possibilidade de se ser feliz. Tuas mãos, eternamente amigas, tuas mãos, se abrem, mesmo na noite mais escura, no momento mais difícil, quentes e carinhosas, como o sol numa tarde de primavera….

Continuar lendo

Quer namorar comigo?

Foi de bate pronto. Quando minha amiga Ana me disse que o seu irmão mais moço estava apaixonado, a frase veio inteira na minha cabeça e eu comecei a rir. “você quer namorar comigo?” Que menino não passou pelo terror de dizê-la? Quanta insegurança aflora, estremecendo a certeza do macho!…

Continuar lendo

O brasileiro é do bem

Inverno, frio, noites duras no vento que corre pelas ruas. Mais de trinta mil pessoas moram nas ruas, estão em condição de alta vulnerabilidade, à mercê do que a natureza traz, sem aviso, sem fazer perguntas, sem pena de quem não tem como se proteger atrás de uma parede sólida,…

Continuar lendo

O amigo

Amigo não é quem diz que você é o máximo, nem quem fica ao seu lado quando você está por cima. Amigo é mais. A amizade é uma série de sentimentos e sensações que te unem à pessoa querida, com muito mais força do que um simples interesse. Quando a…

Continuar lendo

As cerejeiras da USP

As cerejeiras são as árvores símbolo do Japão. Quando floridas, são árvores impressionantes, pela beleza das flores e pela quantidade delas que cobre os galhos, num bailado deslumbrante com o vento. As cerejeiras da USP estão floridas. Longe de se compararem aos jardins japoneses ou à monumental Avenida de Washington,…

Continuar lendo

Lembranças

A casa ficava numa rua calma do Jardim Europa. Térrea, com um jardim na frente e um corredor comprido que levava até a garagem, tinha um clima todo especial; uma atmosfera própria, que a fazia diferente e aconchegante. As árvores e os arbustos no jardim da frente praticamente a tapavam…

Continuar lendo

Como as estrelas

Como as estrelas brilham no céu, nós brilhamos na terra. Cada um de nós tem seu brilho próprio, que nos faz um diferente do outro, em todas as situações, e em cada momento. Mais forte do que as impressões digitais, tão inquestionável quanto a íris dos olhos, o brilho de…

Continuar lendo

A ligação secreta

Ainda não está cientificamente provado, mas, a cada dia que passa, vai ficando mais evidente que existe uma ligação secreta entre os canários e as quaresmeiras. Os termos em que o acordo foi feito, se é que há um acordo formal, ao invés de uma simples combinação de boca, são…

Continuar lendo

Os ipês floridos

Os ipês roxos estão floridos. E estão deslumbrantes! Eu sei que os botânicos vão explicar a florada com dezenas ou centenas de fatos científicos que expõem, com toda sua crueza, a natureza da matéria e a temporalidade das flores, abertas com o fim de preservar a espécie, garantindo a polinização,…

Continuar lendo