Rumos e bandeiras

Rio Tietê, rio Pinheiros, serra de Paranapiacaba, Mantiqueira, Japi, pico do Jaraguá, de onde brotou o primeiro ouro arrancado das entranhas da terra brasileira para glória de Deus e maior poder de El Rei. Hoje, quase ninguém liga estes nomes ao tamanho do Brasil, ao imenso continente que se estende…

Continuar lendo

Ventania

Sábado de tarde é dia de não acontecer muita coisa, nem para um lado, nem para o outro. A rotina deveria seguir leve, sem maiores emoções, além da lembrança do almoço farto, com cerveja e direito a sobremesa, pudim de leite, salada de frutas com sorvete, etc. A vida foi…

Continuar lendo

Luzes

Faróis altos passam pela avenida larga cegando quem vai na outra direção. É impressionante a falta de respeito com que os motoristas usam farol alto, ou não regulam as luzes de seus carros. Luzes fracas balizam o caminho de quem busca alguma segurança pelas ruas de um bairro de periferia….

Continuar lendo

De manhã

De manhã, São Paulo, dependendo do pedaço, nem parece São Paulo. Andando a pé pelas ruas da cidade, perto da marginal do Pinheiros, é possível ver coisas que já não deveriam ser rotina, mas que fazem parte do cotidiano da cidade, como os caminhões que ainda entram pela Valentim Gentil….

Continuar lendo

A igreja de Frei Galvão

Um dos conjuntos arquitetônicos mais bonitos e ricos da cidade de São Paulo está no bairro da Luz, na avenida Tiradentes. São vários imóveis, dos dois lados da avenida, com as mais diversas finalidades. Igrejas, museus, jardins, escolas, quartéis, se sucedem numa região hoje deteriorada, mas que, no passado, foi…

Continuar lendo

Pela cidade

Seu João gosta de caminhar pelo bairro. Não se importa com as ladeiras, sobe e desce, Pacaembu a fora, como se estivesse caminhando pelas ruas de Parati. Seu João conheceu Parati quando não tinha Rio/Santos. Quando a viagem era pela serra de Cunha, na poeira ou pela lama, dependendo da…

Continuar lendo

O patriarca e o pórtico

Cada cidade tem o monumento que merece. Paris tem o Arco do Triunfo, Berlim tem o Portão de Brandemburgo e São Paulo tem o Pórtico da Praça do Patriarca. O Pórtico paulistano é tão feio e tão fora de escala, que o Patriarca que dá nome à praça, quando viu…

Continuar lendo

Rua Jandaia

Tem pouca gente na cidade de São Paulo que sabe que no centro velho tem uma rua chamada Rua Jandaia, quem sabe numa homenagem aos periquitos desta espécie que deviam ser comuns nela, muito tempo atrás. O curioso é que milhares de pessoas passam de carro em frente da rua…

Continuar lendo

Economize água

A temporada da seca chegou e o verão não foi suficiente para restabelecer o nível dos reservatórios de São Paulo. Quer dizer, corremos o risco de ter outra crise hídrica porque as grandes represas que abastecem o estado estão com seus níveis abaixo do que seria o ponto de segurança….

Continuar lendo