Teus olhos

Teus olhos têm um brilho especial que os faz mais especiais ainda. Neles leio tua alma e interpreto teu humor como uma cigana adivinha nas cartas a sorte das pessoas. Teus olhos são meu tarô. Por eles fico sabendo do futuro e do passado e se foi bom ou se…

Continuar lendo

Quem sou eu?

Eu não sei como o céu escreve seus desígnios. Afinal, quem sou eu para sabe-lo? O céu é grande demais e eu sou muito pequeno. É por isso que eu não tenho como entender os desígnios do céu, ele sabe muito mais porque ele não tem idade. Mas, se eu…

Continuar lendo

Criando Universos

Dentro da ordem natural, no universo onde as paralelas se encontram na curva do infinito, nós não somos nada, menos que um grão de areia, pó na lapela do casaco do gigante. E, no entanto, somos universos, com mundos girando dentro de nós, na velocidade dos cometas que percorrem nosso…

Continuar lendo