As azaleias

Podem dizer o que quiserem, as azaleias de São Paulo são um movimento e um momento único, um espaço diferente no cenário das cores do planeta, alguma coisa que merece ser vista porque faz parte daquele seleto grupo de floradas que mexem com os nervos, de tão bonitas que ficam….

Continuar lendo

O Minhocão retrofitado

A marca da cidade é seu inconformismo. Até 1850, São Paulo dormia o sono dos séculos, o sono das cidades cuja vocação era estender as fronteiras, arrancar ouro dos rios, varar as matas unindo o país em trilhas e caminhos de norte a sul do imenso território. Depois da metade…

Continuar lendo

Os crimes e o tempo

Quem acha que o crime só chegou a São Paulo nas últimas décadas, está redondamente enganado. Nos tempos coloniais, embora não tivessem a violência da constância atual, os crimes aconteciam e São Paulo teve durante muito tempo uma forca, erguida onde hoje é a Liberdade, no largo da Igreja dos…

Continuar lendo

Parque Augusta

Patinou, patinou, mas, depois de décadas de indefinições, politicagem, mobilização popular, sensibilidade política, bom senso e anos de negociações, aconteceu. O Parque Augusta ocupou o enorme terreno na esquina das ruas Augusta e Caio Prado. O antigo colégio das freiras francesas, o antigo internato para onde eram mandadas as filhas…

Continuar lendo

O Enem com a cara do governo

O grande comandante declarou que o Enem está ficando com a cara do governo. Poucas vezes uma afirmação esteve tão correta. O pedido de demissão coletiva de mais de trinta técnicos encarregados de aplicar o exame, pouco antes da data, mostra que realmente o exame está carimbado com a marca…

Continuar lendo

Arquitetura urbana

São Paulo é um festival de estilos arquitetônicos. Começando pela catedral, surpreendentemente gótica e com cúpula, passando pelo Palácio do Governo, desenhado pelo arquiteto de Mussolini, a cidade tem de tudo, com todas as tendências. O Art Nouveau se destaca nos casarões do conde Penteado e de D. Veridiana Prado….

Continuar lendo

Estamos no rumo, mas não chegamos lá

A pandemia está dando macha-ré. Os números estão baixos, as UTIs estão mais vazias, mas a covid ainda não foi embora. É olhar o que acontece na Europa para ficar claro que o coronavírus segue firme e forte, aproveitando todas a chances para marcar presença e carimbar o passaporte. Tem…

Continuar lendo

Dona Tereza

Dona Tereza estaria completando 97 anos de idade ontem, domingo, 21 de novembro. Seria uma idade decente para alguém de sua família, onde a longevidade é marca registrada, começar a pensar em sair de cena. Mas ela foi um pouco antes, morreu aos 91 anos de idade, nove anos depois…

Continuar lendo

Chegando lá

A vida é uma aventura única. Não existem duas iguais e tentar voltar no tempo, para resgatar o passado, é impossível. Como a água que escorre para o mar, a vida passa só uma vez de cada vez, é por isso que é impossível resgatar o passado, para tentar vive-la…

Continuar lendo

A explosão do verde

O verde cresceu, se impôs e tomou conta da cidade. Ou pelo menos parte dela, onde sua cor, em diferentes tons, quebra a tristeza do cinza que se espalha no ar e se estende pelos muros. É impressionante a força com que a natureza se refaz e como ela se…

Continuar lendo