Pressione enter para ver os resultados ou esc para cancelar.

Parabéns, mil vezes, parabéns

 

Mais uma vez, parabéns! Mil vezes parabéns e muito obrigado a cada um e a todos vocês, engajados na luta brutal e desigual contra o coronavírus. Parabéns e muito obrigado! Vocês são heróis, ou melhor, vocês são pessoas de bem, como eram chamadas as pessoas que, antigamente, quando o Brasil era um país sério, tocavam suas vidas de acordo com padrões morais sólidos, que não precisavam cantar seus feitos em prosa e verso porque era o que se esperava delas.

Leia também: Uma sociedade que se mobiliza

Vocês são os brasileiros anônimos que a cada dia saem de casa sabendo os riscos do que irão fazer. Os verdadeiros guerreiros, que não cantam vitória, nem fazem o que fazem porque receberão recompensas em dinheiro, cargos ou reconhecimento das gloriosas autoridades que comem churrasco, liberam a cloroquina e ajudam a disseminar a covid19.

Vocês são o outro lado do lado feio e sujo que faz o Brasil ser a piada da vez ou, o que é pior, o pior lugar do mundo aos olhos dos outros países.

Corruptos, assassinos, ladrões, desonestos, destruidores da natureza, irresponsáveis que condenam milhares de pessoas à morte porque não fazemos a lição de casa e imaginamos que Deus é brasileiro e que a covid19 veio para punir apenas os outros povos.

É isso que falam de nós ao redor do planeta. Se éramos o país do carnaval e do jeitinho, agora somos os bandidos que serão castigados pela ira de Deus, transfigurada numa epidemia que se alastra com velocidade impressionante por uma população desassistida, sem condições mínimas de enfrentar o vírus, enganada por falsos profetas, desonestos, incompetentes ou inimputáveis.

Leia também: CRÔNICA 7000

Mas tem o outro lado. O lado bonito são vocês, que saem de casa enfrentando a hostilidade dos idiotas que os agridem, para assumir suas responsabilidades e dar conta delas da melhor maneira possível.

Crônicas da Cidade vai ao ar de segunda a sexta na Rádio Eldorado às 5h55, 9h30 e 20h.

Antonio Penteado Mendonça

Advogado, formado pela Faculdade de Direito Largo São Francisco, com pós-graduação na Alemanha e na Fundação Getulio Vargas (FGV). É provedor (presidente) da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, ex-presidente e atual 1º secretário da Academia Paulista de Letras, professor da FIA-FEA e do GV-PEC, palestrante, assessor e consultor em seguros.