Uma guerra curiosa

A guerra da Ucrânia é no mínimo uma guerra curiosa. Não é uma guerra inédita, mas uma guerra curiosa, fora do desenho das últimas guerras que ensanguentaram a Europa, a saber, as duas guerras mundiais e a guerra civil espanhola. Estes três conflitos fogem da tradição multicentenária das guerras no…

Continuar lendo

A boçalidade ao alcance de todos

O brutal assassinato do ex-premiê japonês, Shinzo Abe, é o retrato mais simples e claro do grau de boçalidade que permeia a humanidade. O fenômeno é mundial. A estupidez corre solta em todos os países e vai do mais poderoso ao mais fraco com a sem cerimônia de quem sabe…

Continuar lendo

O abismo social

Sábado é o Dia da Consciência Negra, mas em apenas uma ano, aumentou em quase 30% a taxa de registros de casos no racismo no País e as diferenças sociais são grandes No próximo sábado é comemorado o Dia da Consciência Negra. A data foi oficializada por uma lei de…

Continuar lendo

Mais de 600 mil mortos e contando

O Brasil ultrapassou a apavorante marca de seiscentas mil mortes por covid19. Estamos entre os campeões mundiais. Se não somos mais a antiga potência do futebol, somos uma potência no número de mortos pelo coronavírus, o que nos mantém com destaque na lista dos países que fizeram tudo errado no…

Continuar lendo

Parece que a pandemia acabou

São Paulo voltou ao que era. Não tem mais pandemia, não tem coronavírus, nem Covid19. Ou não deveria ter. Acontece que tem e os números não são bons. Ou melhor, voltam a piorar. O Brasil tem mais de seiscentos mortos por dia e o Ministério da Saúde, em mais uma…

Continuar lendo

Professora Aurora Albanese

A vida tem momentos que decidem os passos importantes, as viradas, as situações em que tudo está em jogo e pode dar certo ou pode dar errado. Todos passam por isso e, mais dia menos dia, se veem frente a frente com a onça esfomeada e descobrem que se ficar…

Continuar lendo

Adeus Sérgio Mamberti

Ter amigos faz a diferença. Nesta vida, um bom amigo é um tesouro mais rico do que pedras preciosas, dinheiro ou bilhete de loteria. Um amigo não tem preço, bate todas as altas da Bolsa, ganha dos títulos do governo e da inflação causada pelo desgoverno. Eu tenho sorte. Eu…

Continuar lendo

O Mando morreu

A vida é a vida e ela nos pega sem aviso, sem hora certa, sem razão aparente ou ao menos compaixão. Ela bate e é isso. Temos que seguir em frente, absorvendo a porrada, às vezes mais pobres e sempre mais doídos. Meu primo Armando de Salles Oliveira, o Mando,…

Continuar lendo

Tarcísio Meira morreu

Tarcísio Meira morreu. O Brasil perde um de seus maiores atores e seu grande e indiscutível galã. Ninguém até hoje chegou perto do espaço ocupado por ele em mais de meio século de carreira. Bonito, elegante, charmoso, com um sorriso único e deslumbrante, Tarcísio Meira foi um marco na história…

Continuar lendo

Bruno Covas

Os mistérios da morte são insondáveis. A grande pergunta é o que tem depois dela… Será que tem, será que não tem vida depois da morte? Será que somos o que somos e depois o pó retorna ao pó e tudo se acaba? Será que estamos de passagem? Somos semente?…

Continuar lendo