Gente que faz

São Paulo é uma cidade dura, que segue em frente levando no lombo vitoriosos e derrotados com a mesma indiferença com que há 470 anos se espalha pelo planalto, largando para trás, abandonados ou em ruínas, bairros que nos seus dias foram os melhores da cidade. São Paulo não para,…

Continuar lendo

Só os radares melhoram

É curioso, mas a CET continua se ultrapassando e fica fácil de perceber, até quando ela tenta ser discreta. É só olhar os radares instalados recentemente para se ter certeza que a companhia inteira pode estar tendo problemas, mas o funcionamento dos radares segue impecável, perfeito, minimamente cronometrado para te…

Continuar lendo

O Butantã em 1913

Meu amigo Cajé me enviou um mapa do Butantã feito em 1913, quando a região era praticamente deserta e por isso o governo do Estado comprou uma grande fazenda para instalar o Instituto de Pesquisas, que fazia vacinas para combater as epidemias que sistematicamente varriam São Paulo, além de desenvolver…

Continuar lendo

A poluição vista de cima

Quem chega em São Paulo de avião tem uma das visões mais impressionantes do mundo: a cidade se espalhando, qual um polvo gigantesco, por centenas e centenas de quilômetros para todos os lados que se olhe. Terceira ou quarta metrópole do planeta, a região metropolitana da grande São Paulo, além…

Continuar lendo

Maio de 1968

Em maio de 1968 eu tinha quinze anos de idade. É impressionante como aos 15 anos nos consideramos crescidos e capazes de afrontar todos os perigos do mundo. Aliás, é impressionante como ao longo de boa parte da vida nos consideramos aptos a enfrentar todos os desafios, para pouco tempo…

Continuar lendo

Pina 2022

Fazia tempo que não ia à Pinacoteca do Estado. No domingo de Páscoa fui. A Pinacoteca me hipnotiza desde sempre. Começando pelo prédio, que para mim é dos mais bonitos, se não o mais bonito, da cidade. A região da Pinacoteca é especial. Além dela, temos o Museu de Arte…

Continuar lendo

A Casa do Bandeirante de manhã cedo

A praça Monteiro Lobato é um lugar calmo, com árvores grandes e bonitas, perto da marginal do Pinheiros. Sem ser muito grande, a praça ocupa um quarteirão do Butantã, olhando de frente a avenida ensandecida e o rio assassinado, que o projeto Pomar tenta salvar. Toda arborizada com algumas paineiras…

Continuar lendo

A chegada das paineiras

As paineiras estão entrando em cena com sua florada cor de rosa pra enfeitar a cidade. As paineiras são árvores especiais, com tronco especial, galhos especiais, folhas especiais e espinhos especiais. Parecem seres da pré-história, quando os dinossauros andavam sobre a terra e a vida corria no ritmo da vida,…

Continuar lendo

Perpétuo Socorro

A igreja de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro é dessas igrejas que a gente conhece desde que nasceu e por isso entrar nela é como entrar na casa de um parente querido, o qual, pelas voltas da vida, se fica um tempo sem ver. Igreja típica de bairro de classe…

Continuar lendo

A CET dá lucro

A função de uma empresa é dar lucro, ou espera-se que seja. Sob esse aspecto, está tudo certo, é por aí e o lucro é bem-vindo, honesto e faz todo o sentido, na medida que pessoas acreditaram na ideia, se cotizaram e investiram para chegar lá, com trabalho duro e…

Continuar lendo