A troca

Ser eu e te amparar. Ser você e me amparar. O amor é isto, uma enorme troca. Dar e receber, mas dar e receber sem visar lucro, sem querer ganho, simplesmente dar e mais simplesmente ainda receber. Estender a mão para a mão que nos é estendida. Incentiva-la e aceitá-la,…

Continuar lendo

E o povo que se dane

É ano de eleição e, como dizia Dr. Ulisses, em eleição, a única coisa feia é perder. O governo sabe disso e sabe também que o voto dos funcionários públicos é importante para encher as urnas e garantir um resultado favorável. Até agora o governo dizia que não daria reajuste…

Continuar lendo

Insegurança geral

O que era uma possibilidade concreta se transformou numa certeza empírica e científica. Era óbvio que a pandemia, a crise e o desemprego levariam ao aumento da violência. E é isso que está acontecendo. Quer dizer, foram duas no cravo e nenhuma na ferradura. A violência está correndo solta no…

Continuar lendo

Aleitamento materno

O metrô de São Paulo, aliás, como todos os metrôs do mundo, é um lugar fascinante, com uma vida própria que borbulha como se estivesse fervendo, dando um clima e uma cor toda especial aos seus corredores e túneis. Os tipos que andam por lá, a fila das pessoas querendo…

Continuar lendo

Horas escuras

Tem horas na vida que parece que o mundo vai desabar sobre nós. Aliás, tem horas na vida que a sensação é de que o mundo já desabou, sem que tivéssemos tempo de fugir. Ele cai com tudo em cima da gente, ferindo, derrubando e arrasando, como se dois furacões…

Continuar lendo

As feiras livres

São Paulo é provavelmente uma das últimas cidades do mundo que ainda têm feiras livres. Durante muito tempo eu achei que elas depunham contra o nosso status de cidade civilizada, mas isto já faz muito tempo. Há mais de 20 anos eu sou fã do gênero, me divertindo e relaxando…

Continuar lendo

A mata da fazenda

Não há quem não tenha um piques. Um local que é mais do que um refúgio, para recarregar as baterias e enfrentar a vida, dando-nos de novo a força sem a qual seria impossível tocar em frente, abrindo caminho no cipoal fantástico em que transformaram o mundo. Durante anos e…

Continuar lendo

23 de maio

23 de Maio não é nome de avenida por acaso. Mas a maioria dos paulistanos não sabe o que aconteceu em 23 de maio de 1932, razão do nome da grande avenida que corta São Paulo. Em 23 de maio de 1932 os paulistas já estavam em pé de guerra…

Continuar lendo

Solidariedade

A amiga do meu amigo tirou o casaco e o entregou à criança que olhava para ela com olhos de espanto e ternura. Olhos de quem não entende o que está acontecendo, de espanto diante da vida, no dia frio que arrepiava seu corpinho. A amiga do meu amigo não…

Continuar lendo

O tamanho do meu amor

Meu amor é vasto como o horizonte no mar. Linha clara que se estende por todo o infinito unindo o verde das águas com o azul do ar, meu amor se mistura ao céu – é parte do céu, porque é no céu que ele se funde aos anjos para…

Continuar lendo