Pressione enter para ver os resultados ou esc para cancelar.

Praça Coronel Pires de Andrade

São Paulo tem lugares quase que completamente desconhecidos da imensa maioria da população. Alguns são lindos, outros são cinzas, outros são tristes, outros são feios. Mas cada um tem seu quê, que o faz diferente do outro, marcando o espaço com o que ele tem de bom ou ruim, dando cara pra cidade.

São ruas, praças, becos, matos, buracos, casas e prédios, que quase ninguém repara, ou se repara, esquece logo, como quando passamos de carro por uma rua onde não costumamos ir, e vemos uma casa que nos chama a atenção, mas que 15 minutos depois já esquecemos onde fica.

Quem conhece a zona norte normalmente não conhece bem a zona sul e vice-versa, em todas as direções, por todo os pontos cardeais. Eu não conheço quase nada da zona leste e dependendo do pedaço, também não posso dizer que conheça bem qualquer outra região da cidade. São Paulo é imensa, uma das maiores áreas urbanas do mundo. Só isso já inviabiliza qualquer conhecimento mais profundo, mesmo pelo maior especialista em rumos ou mapas.

Entre estes lugares pouco comentados está a praça Coronel Pires de Andrade. Pense rápido, onde ela fica? Não sabe? Eu também não sabia, até ler a placa da praça que eu corto invariavelmente, indo na direção da Gabriel Monteiro da Silva.

É uma praça comprida e cortada pela rua, com dois pedaços diferentes, um de cada lado, os dois cercados de casa bonitas, no fundo do shopping Iguatemi. Cheia de árvores, bem cuidada, em contraste com as outras praças da cidade, é um lugar onde dá vontade descer do carro e ficar vendo a vida passar, no canto do sabiá pousado num galho alto.

___
Siga nosso podcast para receber minhas crônicas diariamente. Disponível nas principais plataformas: SpotifyGoogle Podcast e outras.

Crônicas da Cidade vai ao ar de segunda a sexta na Rádio Eldorado às 5h55, 9h30 e 20h.

Antonio Penteado Mendonça

Advogado, formado pela Faculdade de Direito Largo São Francisco, com pós-graduação na Alemanha e na Fundação Getulio Vargas (FGV). É provedor (presidente) da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, ex-presidente e atual 1º secretário da Academia Paulista de Letras, professor da FIA-FEA e do GV-PEC, palestrante, assessor e consultor em seguros.