Cresce o número de casamentos no Brasil

A tendência foi observada a partir do mês de março, quando comparada ao mesmo período de 2020 Nos primeiros dez meses deste ano, o número de celebrações civis aumentaram 27,61% no País, em comparação ao mesmo período de 2020. Ao todo, foram realizados 683.855 matrimônios. Uma das explicações é que…

Continuar lendo

Tempo frio

O frio é um perigo. O inverno traz consigo doenças respiratórias graves e menos graves, dor nos ossos, resfriado, gripe, pneumonia e outros males desagradáveis, que nos levam a beber vinho, porque quem bebe seus males espanta. Eu sei que tem gente que vai dizer que é quem canta e…

Continuar lendo

As ruas mais legais do mundo

Na lista da Time Out, a Rua Três Rios ocupa o 7º lugar A revista britânica, Time Out, publicou recentemente uma lista das ruas mais legais do mundo, a partir de um ranking que teve a participação de 27 mil pessoas de vários países. Do Brasil, o destaque foi para…

Continuar lendo

Geleia pra falar com os anjos

Minha prima Maiá tem uma amiga que faz geleias. Tudo bem, eu sei tem muita gente que faz geleias, então só isso não seria motivo para escrever uma crônica. Mas não é por aí. Tem motivo, sim, e a crônica vai justamente tentar explicá-los. Geleia que é geleia é muito…

Continuar lendo

O poder do pudim de pão

É impressionante, mas o poder do pudim de pão, mesmo numa cidade como São Paulo, vai muito além do razoável. Só quem comeu pudim de pão na infância entende o que eu quero dizer. Para quem não teve esta sorte, a comparação pode ser feita com quase tudo, menos nhoque,…

Continuar lendo

Com gelo e com limão

Quando eu morei na Alemanha, na época em que ainda havia o muro, uma das minhas primeiras surpresas foi quando pedi um uísque, logo depois de chegar em Berlim, num bar na KuDamm. Era uma tarde de começo de primavera, de forma que sentar na calçada era impossível. Ainda estava…

Continuar lendo

Mortadela e crush no bar do Dito

A maioria não sabe do que eu estou falando, mas já teve época que o tema era rotina na vida dos bares brasileiros. Faz tempo, mas já houve época e foi depois do tempo do nunca ou das histórias de carochinha. Quantas vezes por dia os funcionários dos bares populares…

Continuar lendo

Chopp é chopp

Qual o melhor chopp que existe? Não sei. Mas a discussão me parece um pouco teórica, para não dizer teológica. Time de futebol é uma coisa que dói no coração, mas possibilita comparação. Religião, não. Ou você acredita, ou não. O Deus é aquele, com tudo de positivo e definitivo…

Continuar lendo

O upgrade do cafezinho

Cafezinho sempre foi cafezinho. Alguns parecem mais uma maldição, outros são bons, e um terceiro é feito com receita estrangeira, com canela, leite e creme, e é uma delícia. Cada um tem o cafezinho que merece. Acho que por isso existe pouca coisa pior do cafezinho de repartição pública. Não…

Continuar lendo

Politicamente correto

  Pastel de feira não tem religião, partido político, time de futebol, intolerância ou preconceito. Ao contrário, quanto mais comidos, mais realizados eles ficam e quanto maior a diversidade da clientela, mais certeza eles têm de que estão no rumo certo e contribuindo positivamente para uma sociedade mais justa e…

Continuar lendo