Irresponsabilidade

  As taxas de acidentes com vítimas fatais vinham decrescendo nas estradas federais. Ainda estávamos longe de números descentes, mas o cenário mostrava um quadro positivo, com o número de mortes diminuindo, não numa velocidade impressionante, mas diminuindo, o que, com quarenta mil mortes por ano, é sempre bom. Aí…

Continuar lendo

O avesso pelo avesso

Pode parecer incrível, mas nossos políticos ou, na medida em que não é correto generalizar, pelo menos uma parte deles, querem tungar 500 milhões de reais do orçamento da saúde pública para 2020. É que eles querem aumentar a grana para fazer campanha municipal e assim melhorar as chances de…

Continuar lendo

O futuro cada vez mais distante

  O resultado da análise do desempenho dos alunos brasileiros, de acordo com o PISA, nos coloca entre as piores posições de setenta e nove países avaliados em ciências, leitura e matemática. Abrindo o resultado o quadro fica ainda mais dramático. Nossa situação não é pior porque o desempenho dos…

Continuar lendo

Um voo infernal

  No dia 28 de novembro passei uma experiência complicada. Minha volta do Rio de Janeiro para São Paulo chegou perto do décimo segundo círculo do inferno, abrindo uma nova categoria de martírio para os santos sem muita convicção, que precisam um pouco mais de sofrimento para terem livre acesso…

Continuar lendo

Prova de vida

  Um belo dia descobri que não estava recebendo minha aposentadoria. Fui tentar entender o porquê e descobri que eu não tinha feito minha prova de vida e que, portanto, o benefício estava suspenso porque eu poderia estar morto. Fui ao banco e provei que eu estava vivo. Apesar de…

Continuar lendo

O Centro Velho deteriorado

  O Centro Velho está muito deteriorado. As ruas sujas e malcuidadas estão em grande parte ladeadas por lojas fechadas, prédios pichados, prédios invadidos, prédios em ruínas e muito lixo amontoado nos cantos mais inusitados. Ao longo delas, os moradores de rua se espalham, ocupando as portas dos edifícios, embaixo…

Continuar lendo

A hora e a vez do Brooklin

  Um amigo que mora lá me contou que chegou a hora e a vez do Brooklin. Que o bairro caiu no gosto dos ladrões e que, nos últimos tempos, acontecem assaltos de todos os tipos, todas as horas, todos os dias. Os moradores que não se preocupavam em fechar…

Continuar lendo

O óleo da nossa desesperança

  De onde vem o óleo que tomou de assalto as praias do nordeste? Se ele é venezuelano ou não, não tem muita importância. Com certeza a Venezuela não abriu seus poços para atingir o litoral nordestino, até porque não teria como fazer o óleo seguir a curva do litoral…

Continuar lendo

A vida humana não vale mais nada

  O Brasil conseguiu reduzir em 22% o número de homicídios. O dado é do Ministro da Justiça, portanto, merece credibilidade. É um número para ser comemorado. Mas é um número que as notícias apagam, diante dos fatos publicados dando conta de toda sorte de barbaridades. Crianças assassinando outras crianças….

Continuar lendo

Abacate e jabuticaba

  Abacate é abacate e jabuticaba é jabuticaba. O duro é explicar isso para quem nunca viu abacate, nem jabuticaba. Abacate é grande, normalmente verde, com a carne densa e um enorme caroço no meio. Jabuticaba é pequena, normalmente preta ou marrom escura, com polpa quase líquida e caroços insignificantes….

Continuar lendo