A cidade tem vida própria

As cidades são corpos com vida própria. Traçam seu destino na soma de todas as vontades e todos os sonhos de todos os moradores. É um caldo denso e sólido, que alimenta a malha urbana e a faz se expandir ou encolher, conforme o resultado desta soma impossível, mas real,…

Continuar lendo

A cor do céu

A cor do céu na cidade grande tem nuances que o cor do céu não tem no campo ou no mar. Aqui, ao contrário, o céu varia, modificado por intervenções externas, que não têm nada a ver com sua cor. Aliás, dizem que o céu não tem cor, que o…

Continuar lendo

Contrastes

A Avenida Dr. Arnaldo é uma avenida muito curiosa. De um lado fica o cemitério do Araçá e, do outro, a Faculdade de Medicina, é um contraste impressionante e, no mínimo curioso. Em frente ao templo da vida, a escola encarregada de formar os homens que devem prolongar nossos sonhos…

Continuar lendo

Quero te dar o mundo

Quero te dar o mundo. Quero te dar o mundo para fazer teu sorriso voltar vendo a possibilidade de todas as possibilidades se abrirem na manhã que vem depois de uma noite de chuva, trazendo um céu azul e transparente como se a chuva da noite tivesse caído para lavar…

Continuar lendo

Repositório

Guardo dentro de mim infinitas saudades. Saudades tão antigas como a guerra de Tróia ou tão várias como as viagens dos cometas, que alcançam o fim do universo para trazer para os astros perdidos na Vai Láctea notícias de parentes distantes. Trago em mim saudades do que vivi e do…

Continuar lendo

O triste cenário do Rio Tietê

Em suas águas paradas prevalecem objetos boiando e o mal cheiro Quem chega em São Paulo pela Marginal Tietê se defronta com uma realidade. O volume de lixo boiando no Rio Tietê é chocante e, na mesma proporção, o cheiro é absurdamente desagradável. Nessa época do ano em que as…

Continuar lendo

O problema vai além da gente

Para quem acha que as mudanças climáticas são um problema causado pelo Brasil, em função das queimadas na Amazônia, gostaria de lembrar que durante anos fomos os paladinos do assunto, os mocinhos que galopavam solitários pelas campinas do mundo, dando exemplo e gritando ao vento que precisava acontecer alguma coisa…

Continuar lendo

Não contam mais piadas

Um amigo observou que as pessoas não contam mais piadas. Uma das marcas dos brasileiros sempre foi a capacidade de achar graça, mesmo em meio à desgraça. Mas nós estamos perdendo este traço, estamos perdendo a capacidade de contar piadas, de criar piadas, de rir, sem outro compromisso, senão rir,…

Continuar lendo

O grande vilão da natureza

O consumo consciente e a reciclagem de materiais plásticos evitariam o descarte de 111 milhões de toneladas nos oceanos A poluição plástica é considerada uma epidemia mundial e uma das principais causas de danos ao meio ambiente. Mais de 8 milhões de toneladas de plástico acabam nos oceanos todos os…

Continuar lendo

Crônica pra ninar a mulher amada

Quero te dar o mundo inteiro. Te enfeitar com o que há de mais bonito e sair pelas ruas, mostrando pra cidade grande que você é a rainha e que são suas as belezas e os mistérios desta vida. Que você dispõe do grande e do pequeno, das alturas do…

Continuar lendo