Como será o inverno?

A pergunta que não quer calar é: como será o inverno? Pelo frio que fez nas últimas semanas, é de se esperar que o inverno seja cruel, que venha cortando de cima, em ondas geladas, subindo da Argentina, Brasil a fora, até chegar em Rondônia e outras regiões que não…

Continuar lendo

Cidade Solidária

Programa da Prefeitura de São Paulo tem 76 postos de coleta no município Lançado em maio do ano passado pela Prefeitura de São Paulo, o programa de voluntariado Cidade Solidária conta com a parceria do setor privado e entidades da sociedade civil. Criado para dar acesso a alimentos e produtos…

Continuar lendo

Contrastes urbanos

Na região da rua Oscar Freire São Paulo parece uma das cidades mais ricas do planeta, o que não está longe da verdade, se pensarmos o enorme potencial de gerar riqueza da maior cidade abaixo do equador, no mundo. Na região dos Campos Elíseos os antigos casarões dos barões do…

Continuar lendo

O primeiro frio

O primeiro frio chegou. E chegou forte para a época do ano. Quem está dentro de casa, com a TV ligada, se encanta com a geada nos campos do sul do país, tudo branco e europeu, como se a Serra de Santa Catarina fosse os Alpes e a Serra Gaúcha,…

Continuar lendo

Por um Brasil sem fome

Campanhas mobilizam a sociedade e o setor privado para ajudar quem mais precisa. São 123 milhões de pessoas em situação vulnerável No último quadrimestre de 2020, o Brasil chegou ao triste patamar de seis em cada dez famílias em situação de insegurança alimentar. Mais uma vez, a solidariedade se faz…

Continuar lendo

Debaixo das pontes

Debaixo das pontes deveriam passar carros, caminhões, água, esgoto, enxurrada, coisas assim. Deveriam e passam. As pontes de São Paulo não são uma exceção. São pontes como qualquer outra do mundo, ou pelo menos como as pontes mais civilizadas, com comportamento clássico padrão. Mas as pontes de São Paulo têm…

Continuar lendo

Getúlio Peron Salazar Franco

  Getúlio Peron Salazar Franco (nome fictício) mora na rua. Não tem casa, não tem apartamento, não tem dormitório, nem acolhimento da prefeitura ou de quem quer que seja. Não tem porque ele não quer. Getúlio Peron Salazar Franco gosta de morar na rua. Está nessa situação porque quer. Se…

Continuar lendo

A miséria tem cara

  Quatorze milhões de famílias brasileiras vivem na miséria. Quer dizer, vivem com até três reais por dia ou noventa reais por mês. É uma vergonha, é inaceitável, mas não tem nada que indique que isto está sendo levado a sério por qualquer nível de governo. Isto precisa mudar! Tirando…

Continuar lendo

Estamos anestesiados faz tempo

  O Brasil tem sessenta mil homicídios e quarenta mil mortes no trânsito todos os anos. Pode aumentar ou diminuir um pouco, mas, grosso modo, a ordem de grandeza é essa. A desigualdade social e a violência resultante dela faz com que a imensa maioria dessas mortes aconteça nas periferias…

Continuar lendo

Debaixo da ponte

A população sem casa de São Paulo tem crescido. Cada vez mais, mais pontes estão sendo ocupadas por mais famílias que não têm outro lugar para morar. É viaduto, pontilhão, ponte mesmo. Tanto faz, cada vão está sendo ocupado por gente que não quer tomar chuva, nem buscar auxílio nos…

Continuar lendo